Estamos reiniciando os nossos trabalhos após um período inativo, esperamos contribuir com o seu dia-a-dia com os nossos conteúdos.

 

Ao mesmo tempo em que reafirmamos o nosso amor e dedicação em cada postagem.

Estamos reiniciando os nossos trabalhos após um período inativo, esperamos contribuir com o seu dia-a-dia com os nossos conteúdos.

 

Ao mesmo tempo em que reafirmamos o nosso amor e dedicação em cada postagem.

Escola incendiada em Trindade

Escola incendiada em Trindade

 

Na madrugada deste domingo para segunda feira dia 13 de novembro de 2017 atearam fogo a Escola Osvaldo Cruz na Vila Saraiva cidade de Trindade – PE e com indignação o professor João Rodrigues compôs este poema como nota de repudia a esta ação.

 

Repúdio

 

Nós professores estamos, incomodando a sociedade,

Queremos mudar a visão, que os pais deram aos seus filhos.

Lutando incansavelmente para mudar, essa triste realidade,

Locomotivas querendo trazer, os demais vagões aos trilhos.

 

Incomodamos aos políticos por tentarmos, conscientizar os proletários,

Incomodamos a justiça porque sutilmente mostramos o que está errado.

Incomodamos aos empresários e agiotas, tentando torna-los solidários,

Incomodamos aos delinquentes ao tentarmos, faze-los cidadãos educados.

 

Por incomodamos os governantes, eles baixam nossos salários.

Para não sermos importantes, como são os empresários.

 

Por incomodamos a justiça, julgam nossos atos ilegais,

E ainda nos responsabilizam, pelas violências sociais.

 

Por incomodamos aos empresários que comandam a política,

Não temos investimento em educação, que situação mais crítica!

 

Por incomodamos aos delinquentes, temos agressão aos professores.

E escolas incendiadas, porque contrariamos os seus valores.

 

Assim é vista a educação, pela sociedade atual,

Uma ação ou contrarreação, de grande inconveniência,

Para quem quer comodismo, sem pensar no social.

E um mundo em desarmonia, num falar sem coerência.

(João Rodrigues)